Fashionistando

Os maiores destaques do desfile de Inverno 2020/21 de Jacquemus

  • por em 27 de janeiro de 2020

O estilista francês Simon Porte Jacquemus vem representando com todas as forças a geração de Millennials, com suas criações de roupas atuais e modernas. Sem contar com a memorável comemoração de 10 anos da grife francesa em 2019, quando homens e mulheres desfilaram por uma passarela no meio de um campo de Lavanda no sul da França, na Provence, toda a colação de verão 2020. Foi maravilhoso!

Mas o criador da icônica bolsa a Le Chiquitoaquela bem pequenininha que todas as blogueiras estão amando usar – não fez diferente nessa temporada em Paris e, ficamos babando com toda a coleção Outono/Inverno 2020-2021, a L’année 97. E sim, é a que melhor representa a essência de sua marca até hoje. Confira:

Tons neutros

Predominante durante todo o show chamou atenção em diferentes peças e shapes, desde os mais justinhos até bufantes e oversize. Nós amamos os croppeds e vocês?

FOTO: Getty Images

Vestidos ajustados e efeito corsé

O efeito corsé ajuda na valorização das curvas e busto. Seguindo uma linha bemmm sexy, Bella Hadid foi uma das supermodelos que desfilou com o modelito da marca. Gostaram?

FOTO: Getty Images

Argolas

Anos 2000 também é cool! Brincos de argola sejam eles com a espessura mais grossa, ou enormes, com outros brincos juntos… Do jeito que você preferir, mas anote aí que as argolas voltaram!

FOTO: Getty Images
FOTO: Getty Images

Bandanas

O lenço amarrado na cabeça como bandana promete voltar com tudo (pelo menos entre as mais ousadas, né?) – O acham dessa moda? Hot or not?

FOTO: Getty Images

Blazers e Jaquetas oversize

Uma das grandes referências da marca são os blazers estruturados e super bem costurados. E além disso, o estilista compõe os looks com vestidinhos, bermudas e shorts pra deixar o visual menos sério e mais descontraído – A cara do DNA da grife, né?

FOTO: Getty Images
FOTO: Getty Images

O que acharam das próximas tendências?

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.