Fashionistando

Corte químico: O que é? E como recuperar os fios?

  • por em 13 de novembro de 2019

A desestruturação da fibra capilar – o tão temido corte químico – ocorre, em geral, devido a alisamentos e descolorações e pode trazer prejuízos graves à saúde dos cabelos.

Alguns sintomas são o aspecto elástico, frágil e quebradiço. Fique atenta nisso! O Hair Stylist Carlos Lima aponta alguns outros aspectos que também devem ser observados como: cabelo emborrachado, áspero e opaco, além da queda acentuada.

Ele explica que o problema é comum quando há incompatibilidade dos cabelos com as substâncias presentes no produto ou quando há junção de muitas químicas em pouco tempo, que é o problema da maioria das mulheres hoje em dia!

Carlos Lima (Foto: MF Press Global)

Mas a grande questão é: tem salvação? O hair stylist recomenda que ao constatar que o cabelo sofreu corte químico, é necessário procurar um profissional para avaliar o nível de dano dos fios. “Dependendo do caso, é necessário realizar um corte para retirar partes muito danificadas”, aponta.

Após esse processo de avaliação, o próximo passo é estabelecer um cronograma de tratamento que será pautado na reconstrução capilar.

Além disso é preciso cortar químicas e agentes externos que sejam agressivos aos fios, como secadores, chapinhas e tinturas.

(Foto: MF Press Global)

E a dica final é: não saia por aí fazendo químicas com qualquer profissional. Busque referências, vá por indicação de amigas e, principalmente, se já deu certo com um, por que sair por aí trocando de profissionais? Seja fiel a pessoa que você tem confiança. Isso garantirá cabelos lindos e saudáveis sempre!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.